4 dicas de SEO para VTEX

Referência no comércio eletrônico na América Latina, a plataforma de e-commerce da VTEX reúne online as informações dos canais de venda em um só lugar. O que facilita a análise de dados, além de possibilitar uma experiência do internauta mais homogênea.

Isso porque essa integração permite criar ações que garantam a mesma experiência do usuário nos mais variados canais da marca (até mesmo na loja física). O que é fundamental, por exemplo, para empresas que investem em Omnichannel.  

Aliás, esse é um dos grandes motivos para a plataforma VTEX ser usada por grandes players do mercado dos mais variados nichos. 

Mas, essa solução tecnológica vai além da melhoria da experiência do usuário multicanal, ela também permite aumentar conversões se sua marca investe em estratégias de SEO

Embora seja preciso ter atenção especial em alguns pontos relacionados à tecnologia ( ex: códigos limpos validados) quanto em relação ao SEO (ex: URLs amigáveis, indexação, etc) . 

Quer conhecer algumas dicas de otimização de sites para mecanismos de busca que podem ser implementadas na VTEX? Acompanhe então este post. 

1- Tenha um cuidado especial com a Arquitetura da Informação

Quando o assunto é SEO e UX, é quase que obrigatório falar da organização funcional das categorias e subcategorias na loja virtual. 

Isso porque uma eficaz Arquitetura da Informação beneficia não apenas os internautas, que encontram rapidamente os produtos que desejam comprar, como também torna mais fácil para o Google entender sobre o que é cada página do seu e-commerce. 

Exemplo de menu de e-commerce com Arquitetura da Informação bem estruturadaVale lembrar que a VTEX oferece um recurso para você organizar as informações em categorias e subcategorias de maneira que faça sentido para os usuários. Mas, não cria a Arquitetura da Informação em si para sua loja virtual. Ou seja, tem apenas um template de fluxograma pronto para ser personalizado

Portanto antes de realizar migração de plataforma ou contratar a VTEX, é necessário ter planejado toda a Arquitetura da Informação da sua loja virtual. Dessa forma é possível aumentar conversões e alavancar vendas online.  

Exemplo de Breadcrumbs na plataforma de e-commerce VTEX

Além disso, vale a pena também inserir breadcrumbs porque permitem estruturar melhor a navegação. Já que o usuário passa a conhecer todo o caminho que é feito até aquela página que ele está no momento.  

Baixe gratuitamente a planilha de projeção de resultados

2-URL amigáveis são estratégicas para SEO

É a partir da hierarquia da Arquitetura da Informação da sua loja virtual que a plataforma VTEX cria a estrutura das URLs do site

E para elas ficarem o mais SEO Friendly possível (como no exemplo acima que mostra nomedaoiavirtual/categoria/produto  – após a ? é tudo parâmetro ) , é necessário não ter, por exemplo, páginas órfãs no e-commerce (aquelas que não recebem links internos ou externos porque não estão em nenhuma categoria ou subcategoria)

Então quando os menus da loja virtual não estão bem organizados, a chance da VTEX (ou qualquer outra plataforma de e-commerce) gerar URLs nada amigáveis é enorme. 

3- Atenção a indexação de produtos

Outra dica importante de SEO para VTEX é verificar se todos os produtos da sua loja virtual foram indexados pelo Google. Para isso, use a própria plataforma para comparar tudo que está cadastrado e com base nisso confirmar se está aparecendo no buscador.

A indexação no mecanismos de busca ocorre automaticamente. Mas, não é algo instantâneo. Então o processo pode levar um tempo já que os robôs dos buscadores precisam encontrar o site e navegar entre as páginas para interpretar o conteúdo de cada uma e armazenar essas informações obtidas. É com base nesse registro que o motor de busca vai poder incluir as páginas do seu e-commerce no ranking.

Então se algum produto não for indexado, ele simplesmente não será encontrado pelo Google e consequentemente pelos usuários. O que irá impactar nas vendas do seu negócio online.  

Como a acelerar a indexação das páginas do seu e-commerce

Verifique se o Sitemap está configurado corretamente 

Também conhecido como Mapa do Site, o Sitemap é um arquivo XML que reúne todas as URLs da sua loja virtual indicando a hierarquia da informação. Normalmente apresenta a seguinte estrutura:

  • Departamentos da loja virtual
  • Categorias e/Subcategorias
  • Marcas que a loja virtual  comercializa
  • Produtos ou Serviços

Portanto o Sitemap torna mais simples para os bots dos buscadores encontrar suas páginas. Sem contar que ainda guia a navegação dos robôs dentro do site facilitando até o entendimento deles em relação aos conteúdos que estão nelas. 

Após interpretar as informações contidas no seu e-commerce, os crawlers do Google, por exemplo, indexam as páginas. Por esse motivo o Sitemap é considerado no meio de SEO um elemento facilitador da indexação

Para quem usa VTEX, a configuração de Sitemap não é necessária já que ocorre automaticamente. Mas, é importante entender a importância desse arquivo para a otimização de sites para buscadores. Até porque caso você troque de plataforma de e-commerce um dia poderá ter que configurar o mapa do site. 

Ofereça conteúdo otimizado no seu e-commerce

A hierarquia da informação também precisa estar presente nos textos da loja virtual (estrutura de headings do conteúdo – H1, H2, H3, etc.) porque facilita os robôs dos buscadores na interpretação e consequentemente agiliza a indexação das páginas, além de garantir a boa escaneabilidade do texto para o usuário.

Por esse motivo ter conteúdos otimizados em páginas de produtos e categorias (principalmente, mas o ideal é em todo site) é uma dica de ouro para indexar mais rápido. Vale lembrar que as imagens também precisam de otimização (descrições no Texto ALT porque os buscadores não leem as fotos em si).

Faça uma boa linkagem interna e externa 

Além de produzir conteúdo otimizado, é importante que eles possuam links internos para fazer com que os crawlers achem mais rapidamente as páginas e entendam a relevância delas.

E backlinks de qualidade porque também indicam aos buscadores que suas páginas têm autoridade, além de relevância. Quanto mais relevante forem, as chances de ranquear melhor são bem maiores.

Mas, é preciso ter muito cuidado com a linkagem. Os textos-âncoras e as URLs de destino precisam fazer total sentido inclusive para melhorar a experiência dos usuários (que é o verdadeiro foco das ações de SEO para e-commerce).  

Fazer marcação de dados é fundamental

Outra dica fundamental para o Google indexar mais rapidamente sua loja virtual é realizar o mark-up de dados estruturados

Isso porque é por meio das informações organizadas contidas no HTML que os crawlers interpretam todo o conteúdo da página. E eles não conseguem identificar dados não estruturados como vídeos, áudios, etc. 

Alta velocidade de carregamento 

Ficar de olho no tempo de carregamento das páginas é uma dica crucial para facilitar a indexação das páginas. Isso porque quando elas demoram muito para abrir, os buscadores levam mais tempo para identificar o conteúdo delas. E por consequência, a indexação é bem mais lenta.

Priorize a indexação das páginas mais relevantes 

Ter uma arquitetura bem estruturada é fundamental. Quando isso não acontece, há o risco de várias páginas não tão relevantes para o negócio indexarem. Podemos incluir nesta lista:

  • Páginas de campanhas: que geralmente são utilizadas em um canal específico como e-mail
  • Páginas com parâmetros na URL: como páginas de filtro
  • Páginas de buscas internas: onde o usuário digita especificamente o que quer encontrar na sua loja virtual

A indexação destes conteúdos afeta o tempo de leitura do bot (crawl budget), gera uma provável canibalização no site e afeta também o usuário pois nem sempre elas entregam a melhor experiência de uso. 

Portanto, devemos ficar de olho nestas páginas menos relevantes, manter o robots.txt sempre atualizado e aplicar o rel= “noindex” nas páginas que não devem ser indexadas.

4- Escolha sempre layouts responsivos

Com a maior parte dos usuários do Brasil e do mundo acessando a web via smartphones, a escolha do template da sua loja virtual precisa se adaptar a qualquer tipo de tela. 

Então uma dica importantíssima de SEO para VTEX é escolher layouts responsivos para garantir a melhor experiência para seus usuários independente do dispositivo que ele está conectado.

 Conclusão

Mesmo sendo uma ferramenta de e-commerce que é referência no mercado, a plataforma VTEX oferece recursos importantes para colocar sua loja virtual no ar e mantê-la funcionando corretamente. Essas funcionalidades, quando bem utilizadas, colaboram inclusive com o SEO. 

Mas, é importante destacar que a solução oferece apenas recursos para implementar técnicas e táticas de otimização de sites. Porém, não elabora estratégias. 

Portanto para que as páginas sejam indexadas rapidamente e seu e-commerce fique bem posicionado nos resultados da busca orgânica, muitas vezes é preciso contar com a ajuda de experts em SEO

Quer aprender mais sobre otimização de sites para mecanismos de busca? Assine gratuitamente a Newsletter Search Lab para receber nossas novidades em primeira mão.

Baixe gratuitamente a planilha de projeção de resultados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nossos Parceiros
Plataformas
Newsletter
Confirme que não é um robô
Rolar para o topo