Como gerar mais tráfego na Black Friday

Dia 27 de novembro de 2020 é quando ocorre a próxima edição da data comercial mais esperada pelo varejo e principalmente pelo e-commerce brasileiro. 

Pode até parecer longe ainda, mas para quem planeja aumentar o tráfego orgânico e as vendas esse ano, o trabalho de SEO precisa começar o quanto antes. 

Principais dados da Black Friday 2019 no Brasil

Confira algumas informações de destaque do balanço da última BF divulgada pela Ebit/Nielsen que monitora dados do e-commerce no Brasil:  

  • Faturamento total: R$ 3,2 bilhões (entre 28/11/2019 e 29/11/2019) 
  • Crescimento: 23,6% no faturamento em relação à Black Friday 2018 que foi R$ 2,6 bilhões
  • Total de compradores online: 2,85 milhões (aumento de 18,1% em relação ao ano anterior)
  • Total de pedidos: 5,33 milhões de pedidos ( aumento de 25%) distribuídos em 64% realizados no Sudeste; 14 % no Sul, 12% no Nordeste, 7% Centro-Oeste e 3% Norte.
  • Novos consumidores: 418 mil brasileiros compraram online pela primeira vez na BF 2019 (crescimento de 12%)
  • Ticket médio: R$ 602 ( leve queda de 1,1% em relação aos R$ 608 da BF 2018)

Vendas online realizadas por smartphones aumentaram na última edição 

Você sabia que o varejo faturou R$ 1,7 bilhão só com vendas via celular nas 48 horas de Black Friday 2019 ? 

 Ou seja, as compras realizadas pela internet móvel cresceram 95% a mais do que em 2018. Isso sem contar a extensão do evento pelo fim de semana e a Cyber Monday. O que tem sido a cada ano mais comum. Confira outros dados importantes sobre a Black Friday na Era Mobile:

  • 55% dos pedidos feitos foram pela internet móvel do smartphone 
  • Compras via mobile cresceram 4% em relação a 2018
  • Ticket médio das vendas da BF, realizadas pelo celular em 2019, foi de R$ 574 enquanto na edição anterior chegou a R$ 552 

Como as pessoas encontram as promoções na Black Friday

  1. Google: o maior buscador do mundo é o principal motivador de compra na Black Friday. Foi assim em 2019 e tem tudo para ser nas próximas edições do evento. Afinal o motor de busca faz parte da jornada de compra do usuário faz tempo. 
  1. Redes Sociais: na vice-liderança quando o assunto é motivar as pessoas a aproveitar ofertas de Black Friday, as mídias sociais potencializam vendas. Segundo dados da última edição do evento online, entre as social medias, o Instagram foi o maior motivador de compra seguido pelo Facebook e Youtube respectivamente).
  1. Intenção direta de navegação: o terceiro maior motivador de vendas na Black Friday tem sido o poder da marca. O que faz o usuário entrar direto no site da empresa para comprar online. Essa conexão com a marca costuma ser resultado de um forte trabalho de branding em conjunto com SEO para awareness.

Para aumentar o tráfego orgânico na Black Friday, é preciso preparar o site com antecedência

Ser encontrado no Google, por meio da busca orgânica, não é algo fácil e nem rápido. Para se ter uma ideia, o trabalho de otimização de sites para mecanismos de busca (também conhecido como SEO) é um investimento ao longo prazo

Isso porque é necessário esperar o tempo de indexação das páginas pelo buscador. Só depois disso, os robôs do Google fazem o ranqueamento e elas aparecem nos resultados da pesquisa orgânica (SERP). 

Quem está nas primeiras posições da página 1 do Google é encontrado facilmente.O que gera muito tráfego orgânico na Black Friday. Porém, essas metas de SEO só conseguem ser atingidas quando você começa a trabalhar com antecedência. O ideal é pelo menos 6 meses antes.  

Otimize as páginas para o Google e outros buscadores 

No dia da Black Friday, mas inclusive antes dela, as páginas mais estratégicas para seu negócio precisam estar funcionando perfeitamente. São elas: 

  • Produto: além da otimização da parte técnica de SEO, para garantir uma página leve e fácil de carregar, também é necessário produzir conteúdo otimizado com base no que será comercializado na BF ( % descontos, marcas, preços, cores, tamanhos, etc.). E para isso funcionar bem, é preciso organizar e gerenciar o estoque com antecedência.
  • Categoria: reúne uma série de produtos similares de marcas diferentes. Então é onde as pessoas comparam preços e descobrem as marcas que você está vendendo. Ou seja, tem bastante tráfego. E para o SEO trazer bons resultados na Black Friday, é indispensável uma prévia gestão de estoques. Isso porque o conteúdo otimizado é todo produzido com base em modelos, marcas, etc. 
  • Landing page: essa página também precisa estar otimizada previamente. Até porque ela traz usuários que estão pesquisando ofertas nas semanas que antecedem o evento. Ela disponibiliza um formulário de cadastramento para receber promoções BF da sua loja (no mínimo desde o início de outubro, mas o quanto antes, melhor)  e conteúdo otimizado sobre as promoções da marca .

Seu site precisa oferecer boa experiência mobile para as pessoas

Se você quer vender mais em 2020 na melhor data para o e-commerce brasileiro, é necessário otimizar seu site para SEO pensando em dispositivos móveis porque hoje a maior parte das compras da Black Friday são realizadas por smartphones.

Sem contar que pouco adianta todo seu investimento em tráfego para a loja virtual se no grande dia ela demorar a carregar, travar, sair do ar, etc. Dessa forma a pessoa, mesmo querendo, não irá conseguir concluir a compra online pelo celular.

Já imaginou o prejuízo? Por esse motivo uma dica importante é investir em SEO para mobile em suas páginas. Até porque é um investimento que só tem a melhorar a experiência do usuário no seu e-commerce. O que é fundamental para ajudar nas vendas em qualquer época do ano, não apenas na Black Friday.  

Pesquisa de palavra-chave com foco na Black Friday

Já sabe quais serão os produtos estrelas da BF 2020? Planejar com antecedência o que estará em promoção na última sexta-feira de novembro é o primeiro passo até para gerar mais tráfego na Black Friday. 

Isso porque todo conteúdo otimizado será guiado pela pesquisa de palavras-chave. E ela precisa focar nos produtos estratégicos para sua empresa. Como por exemplo: promoção de produto X+ nome da sua marca.

Cada página terá um conteúdo otimizado diferente que precisa estar publicado previamente. Dessa forma nos meses de setembro, outubro e novembro estarão bem posicionados no Google e conseguirão gerar mais tráfego para sua loja virtual durante a Black Friday.  

Produza conteúdo otimizado especialmente para a data comercial

O texto da página de categoria não pode ser o mesmo da Home. Também não é possível criar um conteúdo padrão para todas as páginas de produto (só copiar e colar mudando apenas o nome da mercadoria, preço e desconto). 

Até porque ajuda muito pouco o consumidor e o Google não enxerga isso com bons olhos. Portanto o maior buscador do mundo entende essa padronização como conteúdo duplicado. 

O que é penalizado pelo algoritmo Panda e a loja virtual pode simplesmente sair da primeira página porque caiu no ranqueamento. O que reduz a praticamente zero o tráfego orgânico.

Por esses motivos para garantir conteúdo otimizado de qualidade para a Black Friday é indispensável começar o trabalho meses antes.  

Dica de produção de conteúdo otimizado para produtos

A criação de conteúdos otimizados para páginas de produtos deve ter uma visão única de expert da sua marca com o objetivo de informar o consumidor sobre benefícios do item à venda para se destacar no Google.

Mas, em se tratando de Black Friday, é necessário também destacar as vantagens de comprar na sua loja virtual (frete grátis, formas de pagamento, % OFF, etc.) e o período que as pessoas podem adquirir os produtos com esses grandes descontos. 

Unir estratégias de Ads com SEO

O processo de otimização de sites para busca orgânica é algo que demanda organização e planejamento porque traz retorno ao longo prazo. Então a dica é começar um projeto SEO cerca de 6 meses antes. Ou seja, no mês de abril, maio ou junho.

Mas, você pode ainda conciliar em uma mesma estratégia de marketing digital para Black Friday, campanhas de Google Ads e Landing Pages otimizadas para SEO. O que complementaria o trabalho de otimização da loja virtual. Isso porque publicidade online traz retornos mais imediatos.

Quer entender melhor sobre campanhas de anúncios online para buscadores e SEO? Então confere o vídeo abaixo porque Daniel Arend explica o que é cada um e qual o melhor para o seu negócio.    

Conclusão

Gerar mais tráfego para a Black Friday é uma meta complexa de ser atingida, porém não é impossível. Isso porque requer bastante tempo para planejar, organizar e até alinhar diferentes canais de Marketing Digital como o Orgânico, Ads e Redes Sociais (que são os principais que trazem pessoas para seu site). 

Do ponto de vista de SEO, a dica é planejar a BF 2020 o quanto antes. Dessa forma é possível traçar estratégias mais assertivas para crescer não apenas o tráfego orgânico, mas principalmente para aumentar as chances de alavancar vendas na data comercial mais esperada pelo e-commerce e varejistas em geral.  

Para isso, a recomendação é você começar um projeto de SEO ainda no mês de abril ou maio. Isso porque com 6 meses de antecedência é possível colher resultados com o canal orgânico no fim de novembro quando ocorre a Black Friday.

Mas, até 3 meses antes da BF, ainda é possível obter alguns resultados duradouros que podem fazer toda a diferença nas vendas.  

Quer projetar resultados de forma simples?  Então é só baixar a Planilha de Projeção aqui da Search Lab. Ela serve não apenas para investimentos no canal orgânico, mas também para o seu negócio como um todo.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nossos Parceiros
Plataformas
Newsletter
Confirme que não é um robô
Rolar para o topo